|
  • Bitcoin 121.924
  • Dólar 5,0950
  • Euro 5,2487
Londrina

Opinião

m de leitura Atualizado em 02/08/2022, 00:05

EDITORIAL - O Censo está nas ruas

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 02 de agosto de 2022

Folha de Londrina
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

O Censo Demográfico 2022 já está na rua. O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) deu o pontapé inicial do trabalho nesta segunda-feira (1º), com uma cerimônia de lançamento no Museu do Amanhã, no Centro do Rio de Janeiro.

A operação para tirar uma radiografia completa do país é grandiosa. Cerca de 180 mil recenseadores percorrerão 75 milhões de domicílios para coletar informações sobre toda a população. A logística é complicada, mas não é com ela que o IBGE está preocupado. Para a diretoria do instituto de pesquisa, o maior desafio é fazer com que as pessoas atendam os entrevistadores e respondam às questões.

O levantamento deveria ter sido realizado em 2020, mas foi adiado devido à pandemia. No Paraná, os questionários serão aplicados por cerca de 10 mil recenseadores em 399 municípios. A estimativa é que aproximadamente 4 milhões de domicílios paranaenses sejam visitados durante o trabalho, que deve ser concluído em três meses.

“Até o final do ano teremos condições de informar o número de moradores em cada cidade paranaense e nos anos seguintes serão divulgados dados mais detalhados da pesquisa”, informou em entrevista à FOLHA Flávio Schuler de Oliveira, coordenador técnico da pesquisa do IBGE no Paraná. 

Entre as novidades desta edição do Censo está a coleta digitalizada dos dados. Os recenseadores preencherão os questionários em smartphones equipados com conexão móvel. Do local da entrevista os dados serão imediatamente transmitidos para o IBGE. Com isso, o Censo ganha agilidade e precisão. Em Londrina, os 521 recenseadores contratados pelo IBGE  deverão visitar cerca de 200 mil domicílios. 

A pesquisa do Censo será realizada em qualquer dia da semana e para segurança da população, os  recenseadores do IBGE estarão identificados com boné, colete e crachá. Dentro do crachá há um QR Code que pode ser lido pelo celular. Com isso, o cidadão pode confirmar o nome e a foto do recenseador e verificar se ele pertence ao quadro de servidores do Instituto. Em caso de dúvida, basta ligar para o IBGE no número 0800-721-8181. 

A preocupação em certificar-se da identidade e função do entrevistador, antes de permitir que ele entre em sua casa, é bastante válida, mas não deixe de responder ao IBGE. Se você está se perguntando para que serve o Censo, a gente explica: ele vai nos dizer quem e quantos somos no Brasil, nos estados e em cada localidade. É essa pesquisa que nos dará informação sobre a saúde, economia,  religião, educação, características étnicas e raciais, deficiências físicas, renda, trabalho, condições de moradia e tantas outras informações que ajudarão a construir um país melhor e mais justo. 

Obrigado por ler a FOLHA!