|
  • Bitcoin 151.516
  • Dólar 5,0617
  • Euro 5,2708
Londrina

OPINIÃO DO LEITOR

m de leitura Atualizado em 30/03/2022, 08:01

A campanha eleitoral de um ex-presidiário

Veja a opinião dos leitores da Folha de Londrina sobre eleições presidenciais e supostas irregularidades no MEC

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 25 de março de 2022

Ludinei Picelli
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

A cena de um ex-presidiário, candidato à presidência da República, saindo sob forte escolta policial pelo portão dos fundos de um aeroporto, não é apenas um acontecimento inusitado, mas sim um retrato fiel da falência da nossa Justiça. O fato ocorreu em Londrina no último dia 19, por ocasião da visita de Lula à região. Os brasileiros do bem se envergonham em assistirem tamanha imoralidade. A permissão dada ao ex-presidente para concorrer às próximas eleições faz com que o Brasil fique nivelado às piores republiquetas do planeta. A sua foto estampada nas urnas vai ser um dos mais indecorosos episódios da nossa história política e uma nódoa indelével na democracia brasileira. Lula nos palanques satisfaz a vontade maligna e a sanha de vingança pessoal de meia dúzia de magistrados que cada vez mais avilta a reputação da cúpula do Judiciário. A candidatura do ex- presidente é o extrato, a essência e o símbolo mais bem acabado da perniciosidade de uma classe política corrompida e moralmente degradada, onde pouquíssimos políticos se salvam. O sucesso de Lula, se vier, será fruto de uma parcela do eleitorado extremamente desinformada ou mal intencionada, ou ambas pechas somadas. Tudo muito repugnante e deplorável. 

Ludinei Picelli  (administrador de empresas) Londrina PR.       

`Rachadinha´ nacional 

Aonde vai parar isso? Será que nunca vão impedir este verdugo? A "rachadinha" que era restrita ao Rio de Janeiro agora virou nacional. Ou porque acham que o ministro tem  de dar prioridade aos prefeitos que o pastor lobista levar para ele? Hora, o pastor conversa com o prefeito e combina que ele vai receber a verba, mas com a condição de que dê um "pixuleco", e depois faz "rachadinha" com Bolsonaro. Ele conseguiu terceirizar  a corrupção.

Marcio Benassi (aposentado) Sertanópolis 

Os artigos, cartas e comentários publicados não refletem, necessariamente, a opinião da Folha de Londrina, que os reproduz em exercício da sua atividade jornalística e diante da liberdade de expressão e comunicação que lhes são inerentes.

COMO PARTICIPAR| Os artigos devem conter dados do autor e ter no máximo 3.800 caracteres e no mínimo 1.500 caracteres. As cartas devem ter no máximo 700 caracteres e vir acompanhadas de nome completo, RG, endereço, cidade, telefone e profissão ou ocupação.| As opiniões poderão ser resumidas pelo jornal. | ENVIE PARA [email protected]