Rebeldes liderados por gêmeos resistem
Apesar de seu quartel-geral ter sido tomado pelas tropas de Myanmar (ex-Birmânia), o grupo rebelde Exército de Deus, liderado pelos irmãos gêmeos de 12 anos, Johnny e Luther Htoo, continua combatendo, informaram ontem fontes tailandesas. As tropas birmanesas também enfrentam resistência de outros rebeldes da minoria étnica karen. Após a queda de seu QG, cerca de 100 combatentes do Exército de Deus, cristão fundamentalista, fugiram para a floresta em três grupos sob o comando de seus chefes e de Su Bia, um veterano guerrilheiro Os seguidores do grupo acreditam que os gêmeos têm poderes mágicos e são imunes às balas inimigas.