France Presse
De Tóquio
O Japão comemorou esta segunda-feira o quinto aniversário do violento terremoto que matou 6.432 pessoas a 17 de janeiro de 1995 em Kobe e é considerado a maior catástrofe do pós-guerra no arquipélago.
O momento mais emocionante foi quando várias dezenas de sobreviventes acenderam velas e rezaram às 5h46 desta segunda-feira (18h46 de Brasília deste domingo), hora em que o terremoto de 7,2 graus Richter despertou de forma brutal a região de Kobe.
Em Kobe se inaugurou anteontem à noite um memorial de granito e cristal num parque. A reconstrução do grande porto de Kobe está quase terminada. A infra-estrutura foi reparada e reforçada rapidamente. A construção de moradias para milhares de desabrigados foi mais lenta e concluída no no mês passado.