Um grupo armado se apoderou ontem de um helicóptero e sequestrou 10 estrangeiros que estavam a bordo. O sequestro ocorreu em um campo de petróleo operado pela empresa espanhola YPF em El Coca, na região de selva amazônica do Equador.
O vice-presidente equatoriano, Pedro Pinto, confirmou o sequestro. O sequestro ocorreu às 4 horas (horário local) no bloco 16 do campo de petróleo. Os estrangeiros sequestrados são seis americanos, um chileno e um argentino.
Em setembro, um outro grupo armado sequestrou trabalhadores da empresa petrolífera. O último dos reféns foi libertado dias depois do sequestro.