DivulgaçãoEduardo Garcia Quiza, diretor comercial da Thá: prêmio Talento 99 para lançamentos imobiliários

Thá, talento para lançamentos
Vencedora estadual do Talento Imobiliário 99 na categoria ‘Lançamento’, a Thá Corretores Associados (Curitiba) fez por merecer o prêmio entregue pelo Secovi Paraná: a empresa que já vendeu mais de 860 mil metros quadrados, ao longo dos 27 anos de existência, e foi responsável por uma operação inédita no mercado de títulos imobiliários – ‘‘Operação de Base Imobiliária com Distribuição do Lucro Total’’, criada em fevereiro, como suporte para oito empreendimentos da Coleção Thá 99 – inicia 2000 realizando mais dois lançamentos, um residencial e outro comercial.
O primeiro é o Place des Vosges, localizado no bairro Champagnat, com 16 apartamentos tipo de 396 m2 (três vagas de garagem) e duas coberturas com 603 m2 (quatro vagas). Com fachada neoclássica e planta que permite a adequação do projeto interno dos apartamentos de acordo com o gosto do cliente, o edifício oferece ainda lareira, churrasqueira individual a carvão, quadra poliesportiva iluminada, quiosque com churrasqueira coletiva, salão de festas, de jogos e de ginástica.
O empreendimento comercial – Curitibano Offices, na Av. República Argentina – é composto por 105 conjuntos com metragem variando de 37 a 560 metros quadrados e uma loja térrea de 200 m2. Opcionais: 44 vagas de garagem.

Abílio Medeiros, sucesso em vendas
Também premiado pelo Secovi Paraná e de posse do título de imobiliária Destaque Estadual, na categoria Compra e Venda, a Abílio Medeiros Imóveis (Londrina) encerrou 99 promovendo mais um sucesso em vendas: a Galeria Norte, um empreendimento comercial na região dos Cinco Conjuntos que, mesmo antes do lançamento oficial, ocorrido em 20 de dezembro, já estava com 40% da área comercializada.
Com o início das obras agendado ainda para este mês e funcionamento previsto para o final de 2000, a Galeria Norte vai ocupar uma área de 11.750 metros quadrados – 36 terrenos de 300 m2. No rol de investidores do segmento imobiliário comercial para aquela região já estão a Móveis Brasília, o Boticário, Farmácia Vale Verde, Barulhão Confecções, consultórios odontológicos e o restaurante Moinho D’ Água.

Caixa, reforço para a habitação
A Caixa Econômica Federal fechou o ano aplicando, em habitação, R$ 4,11 bilhões – 257 mil contratos e quase o mesmo valor contratado em 98. O resultado, para o presidente da CEF, Emílio Carazzai, foi considerado ‘‘muito bom’’. Mas ele concorda que, ainda assim, pouco satisfatório para o setor da indústria da construção civil.
Para 2000 promete reforço de caixa: o orçamento previsto e oficialmente definido nas próximas semanas, deverá ser cerca de R$ 7 bilhões, quando somadas todas as fontes de recursos – FGTS, Caixa e Orçamento Geral da União. ‘‘Teremos crescimento positivo da renda per capita, o que deve estimular a demanda por crédito imobiliário e, por isso, razões sólidas para esperar um ano muito bom para a economia e, consequentemente, para o mercado imobiliário’’, diz ele.
Para quem diz que não viu a cor dos recursos originários e específicos do governo federal para o setor da habitação, Carazzai informa, registra e contabiliza, em relatório oficial anual, a origem do dinheiro e o caminho de todas as aplicações:
-O governo federal aplicou, em 99, R$ 709 milhões do Orçamento Geral da União, em programas destinados à habitação, saneamento e infra-estrutura, em áreas carentes do País - Habitar-Brasil (99 mil unidades habitacionais), Programa de Ação Social (saneamento) e o Pro-Infra;
-A Caixa lançou novas linhas de financiamento com recursos próprios e do FGTS. O Programa de Arrendamento Residencial (PAR) – já contratou 7 mil moradias, totalizando investimentos na ordem de R$ 130 milhões, e está com outras 35 mil unidades aprovadas ou em análise, somando R$ 670 milhões – e o Construgiro que, lançado em outubro oferecendo R$ 800 milhões em capital de giro para empresas de construção com juros mais baixos que os de mercado, terminou o ano com 138 operações contratadas, totalizando R$ 72 milhões;
-A Caixa executou, no ano passado. um programa para quitar antecipadamente ou renegociar contratos, que resultou na recuperação de R$ 1,4 bilhão das 200 mil famílias que utilizaram os descontos.

Encontro marcado
-International Builders Show – O primeiro evento internacional do ano, dirigido ao setor, será realizado de 14 a 17 de janeiro em Dallas (EUA). A International Builders é a maior exposição de construção residencial do hemisfério ocidental e oferece oportunidade, aos construtores incorporadores, arquitetos e engenheiros, de conhecer os últimos lançamentos em produtos e sistemas construtivos de mais de mil fornecedores do setor.
Do Brasil, sai no dia 13 (via Guarulhos, São Paulo) uma delegação organizada pelo departamento de Comércio dos Estados Unidos em conjunto com a Anthurium, operadora de turismo paulista. Informações de custos e reservas pelo fone/fax 11/5084-3129.

Informações e sugestões para Informe Mercado & Construção via e-mail: [email protected]