O Brasil sediará, a partir de 30 de outubro, a Upadi (União Pan-americana de Engenheiros), a mais importante entidade da engenharia pan-americana e que reúne mais de 2 milhões de engenheiros das Américas do Sul, Central e do Norte. A Upadi será presidida nos próximos quatro anos pelo engenheiro Claúdio Amaury Dall’Acqua atual presidente do Instituto de Engenharia, eleito na convenção da entidade ocorrida em agosto na Cidade do Panamá.
A cerimônia de posse e de transferência da sede, que esteve nesses últimos oito anos em Porto Rico, ocorrerá na sede do Clube de Engenharia do Rio de Janeiro, onde ela também estará sediada, no próximo dia 30, às 18h. Fundada em 1949 no Rio de Janeiro pelo engenheiro Saturnino de Brito, esta é a primeira vez que a Upadi tem o Brasil como sede.
A entidade participa dos principais foros de decisão sobre questões técnicas e de financiamento de obras e infra-estrutura em organizações como a ONU e suas instituições, como a Unesco, por exemplo; Banco Mundial, Banco Inter-Americano de Desenvolvimento, entre outros.
A Upadi reúne diversos segmentos da engenharia pan-americana e deverá orientar a pauta de discussões em áreas estratégicas como infra-estrutura (rodovias, ferrovias, portos, saneamento básico, habitação etc.).
Devido à importância da entidade, as empresas brasileiras ligadas a esse setor poderão participar mais intensivamente de oportunidades de prestação de serviços (projetos), equipamentos e produtos para obras pan-americanas. Para o presidente eleito Claúdio Amaury Dall’Acqua, ‘‘essa é a conquista de maior destaque da engenharia brasileira nos últimos anos’’.