Vestibulares da UEM são adiados para 2021


Reportagem local
Reportagem local

A UEM (Universidade Estadual de Maringá) decidiu reunir as edições dos vestibulares de inverno e de verão em razão da pandemia da Covid-19. De acordo com a Comissão Central do Vestibular Unificado, o agora denominado Vestibular 2020 tem data prevista para 7 e 8 de fevereiro de 2021, com oferta de 2.989 vagas.


O Vestibular 2020, que soma as vagas das duas edições, será o primeiro da história da UEM a disponibilizar cotas para negros. As cotas sociais serão mantidas. O período de inscrições para o processo seletivo ainda não foi definido. Embora esteja previsto para 14 de setembro a 26 de outubro, tais datas ainda serão confirmadas pela comissão.




A presidente da Comissão Central do Vestibular Unificado, Maria Raquel Marçal Natali, destaca que a decisão considerou incertezas sobre como a pandemia se comportará nos próximos meses, o calendário escolar do ensino médio do Paraná com previsão de término na primeira quinzena de dezembro de 2020 e o reagendamento de eventos como o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).


O Vestibular 2020 da UEM ocorrerá em 11 municípios do Paraná: Maringá, Apucarana, Campo Mourão, Cascavel, Cianorte, Cidade Gaúcha, Curitiba, Goioerê, Ivaiporã, Paranavaí e Umuarama.


PAS e Vestibular EAD – O ato executivo da UEM coloca como 28 de fevereiro de 2021 a data prevista para realização do PAS (Processo de Avaliação Seriada) 2020, com 747 vagas; e do Vestibular EAD, com 900 vagas. As graduações a distância a serem oferecidas são: Administração Pública, Ciências Biológicas, Física, Letras: Português-Inglês e Pedagogia.




(As informações são da Assessoria de Comunicação Social da UEM)

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo