"Troika" concorda em elevar produção2/Mar, 10:39 Londres, 02 (AE-DOW JONES) - Os Ministros do Petróleo da Arábia Saudita, Venezuela e México concordam que os países membros da Opep devem elevar a produção de petróleo, em montante e momento a ser discutido com os membros da organização na reunião de 27 de março. Este foi o resultado da reunião entre o grupo conhecido como "Troika" que aconteceu esta manhã, em Londres. Ali Rodriguez, ministro do Petróleo da Venezuela, disse que a produção deve ser elevada para atender um previsto crescimento da demanda este ano. Em entrevista após o encontro, Rodriguez afirmou que os ministros devem discutir com a Opep o montante a ser elevado e o momento adequado. O ministro do Petróleo da Arábia Saudita, Ali Naimi, disse que os ministros acreditam que os preços do petróleo devem ser deixados a critério do mercado no momento e que o número sobre o montante em que a produção deverá ser aumentada ajudará a estabiliz ar os mercados. Ele acrescentou que outras "várias consultas" com os membros da Opep serão necessárias e que uma decisão sobre os termos pendentes do provável incremento da produção deve ser tomada em 27 de março. "Nossa principal preocupação é manter a estabilidade dos mercados", disse Naimi. O México, país não-membro da Opep, também concordou sobre a necessidade de elevar a produção. Luiz Tellez, ministro do Petróleo do México, disse que a demanda pela commodity cresceu dramaticamente e que o aumento na produção "é garantido". Os Ministros negaram-se a confirmar o montante que será proposto. "Acredito que o número será apresentado quando encerrarmos as consultas com os outros membros", disse Naimi.