Trios elétricos, bandas e blocos animam o carnaval do litoral paulista2/Mar, 20:45 Por Cida Oliveira, especial para a AE Santos, SP, 02 (AE) - O carnaval na Baixada Santista e no litoral sul tem atrações para todos os gostos, com bailes, apresentações de escolas de samba, blocos, trios elétricos e bandas. Em Santos e São Vicente, as arquibancadas já estão montadas na orla para o desfile das escolas. Em São Vicente, o Carnaval dos 500 Anos começa às 20 horas de domingo, com a participação de sete agremiações. A Beija-Flor, de Nilópolis, do Rio, e a Camisa Verde e Branco, de São Paulo, desfilam na cidade na terça-feira. A passarela foi instalada na Avenida Ayrton Senna, na Praia do Itararé, e os ingressos custam R$ 5,00. O desfile mais esperado é o de Santos, marcado para terça-feira, às 20 horas, considerado o segundo melhor do Estado. Com o tema "Santos, Portal de Entrada do País", nove agremiações vão mostrar a história da imigração a partir do Porto de Santos. A Passarela do Samba Dráuzio da Cruz está montada na Avenida Bartolomeu de Gusmão, entre os Canais 5 e 6. O ingresso para as arquibancadas custa R$ 10,00. Trios elétricos - O carnaval de rua da Baixada também promete. Quatro trios elétricos estarão animando os foliões em São Vicente, a partir de amanhã, das 22 às 2 horas. O Rabo de Arraia ficará na Praça Tom Jobim e o Sol Nascente vai comandar a festa na Praça Heróis de 32. O Coco Loco vai estacionar na Praça Osvaldo Cruz e o Tomate Cru, na Praia do Itararé. Uma das agremiações mais antigas do País, o bloco Baianas Sem Tabuleiro desfila pelas ruas centrais de São Vicente no domingo, a partir das 10 horas. Pela primeira vez em 64 anos de folia, o bloco, formado por homens travestidos de baianas, abrirá espaço para mulheres. Três trios elétricos vão garantir a animação da multidão no trajeto, que termina na Praia do Gonzaguinha. Em Santos, desfilam no domingo, na Passarela Tom Jobim, as bandas Cai-Cai no Cad, às 15 horas, e a Banda da Serra, às 17 horas. Para participar da festa, basta trocar alimentos não perecíveis pela camiseta das agremiações. Hula-hula - No Guarujá, o Casa Grande Hotel promove segunda-feira um baile típico com jantar, música ao vivo e até dançarinas de hula-hula. Os ingressos para a Noite Havaiana custam R$ 60,00. As bandas vão desfilar pelas praias no domingo, a partir das 16 horas. Ilha Comprida, no litoral sul, espera receber 200 mil turistas. A folia será aberta amanhã às 23 horas, na Avenida Copacabana, a principal da ilha, pela banda Sem Limite. De sábado até terça-feira, a partir das 22 horas, haverá desfiles de escolas e blocos, como o Turistas de Norte a Sul e o Bloco da Perereca, que levará duas pererecas infláveis gigantes para a avenida. Os visitantes podem optar pelo Carnaval Ecológico, promovido pela prefeitura. Monitores guiarão grupos por trilhas que cortam a ilha, mostrando as últimas dunas ainda intocadas do Estado, grutas, manguezais e vilas de caiçaras. A época também é propícia para assistir à revoada de aves migratórias.