Estocolmo, 03 (AE-DOW JONES) - Milhares de suecos não conseguiram acessar suas contas correntes por meio da Internet. Representantes do SEB informaram que o problema afetou 100.000 pessoas, ou cerca de 10% dos usuários de sua rede on-line bancária, que não fizeram o upgrade dos browsers utilizados para navegar na Internet.
Segundo o SEB, não foi o bug do ano 2000 que impediu o acesso aos extratos das contas correntes e de investimento, mas sim o uso de uma versão do Netscape válida apenas até o fim de 1999.
A home page da Netscape traz um alerta aos usuários sobre a validade dos velhos browsers. "É verdade que alguns de nossos clientes na Internet não estão conseguindo acessar suas contas"
disse Cajsa Renman, porta-voz do SEB.
Os bancos suecos são líderes mundiais no uso do sistema bancário on-line. O SEB possui aproximadamente 350.000 clientes na Internet. O Handelsbanken e o conglomerado financeiro sueco-finlandês MeritaNordbanken informaram que não identificaram problemas.