São Paulo, 05 (AE) - O governador de São Paulo, Mário Covas (PSDB), disse hoje que o Estado não recebeu os R$ 2,7 milhões prometidos pelo presidente Fernando Henrique Cardoso para resolver problemas causado pela chuva no Vale do Ribeira no ano passado. Covas afirmou ter recebido um telefonema de FHC informando sobre a liberação da verba mas, segundo o governador, os recursos não chegaram ao Estado. "Estamos esperando até agora", disse.
Perguntado sobre o que teria ocorrido, o governador respondeu: "Eu tenho dificuldades de mandar no governo do Estado, como vou mandar no governo federal?" Covas fez as declarações hoje à tarde, depois de vistoriar as obras de aprofundamento da calha do rio Tietê, em Osasco. A primeira etapa das obras, financiadas pelo governo japonês, deve ficar pronta em março. O investimento previsto é de R$ 180 milhões.