Setor de refrigeração registra R$ 6 bilhões de vendas no País4/Mar, 10:48 Por Milton F.da Rocha Filho São Paulo,4 (AE) - Os negócios no setor de refrigeração, ar condicionado, ventilação e aquecimento cresceu 15% em 1999, e vendeu R$ 6 bilhões, contra R$ 5,1 bilhões de 98. "Acreditamos que esse mercado vai crescer mais 10% agora em 2000", disse Osmar Silva, vice-presidente da Smacna Brasil, uma associação que reúne os principais fabricantes no Brasil e no mundo. A previsão de crescimento foi projetada comparando os investimentos que estão aportando no setor automobilístico, cerca de US$ 8 bilhões em três anos. Por isso, a entidade vai promover, de 13 a 15 de março, a 3ª Conferência Internacional de Ventilação na Indústria Automotiva. De acordo com Silva, as montadoras, em todos os setores da produção, estão adquirindo sistemas modernos e complexos de ventilação e ar condicionado. O evento vai reunir fabricantes e representantes das montadoras para discutir as novas soluções no setor. As compras de sistemas de ar condicionado demostram o crescimento. Nos últimos dez anos, as vendas destes equipamentos cresceram 140%. Em 1998, último levantamento da Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento (Abrava) apontou 404.980 sistemas vendidos no País.