São Paulo, 20 (AE) - O Secretário de Comunicação Social da Prefeitura, Antenor Braido, disse que a Febem é de total responsabilidade do governo estadual. Braido acrescentou ainda que o Estado rejeita a ajuda que a Prefeitura pode dar. Sobre a denúncia de que o dinheiro do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente não estaria sendo repassado para projetos de atendimento a menores, disse que isso é mentira. "Temos dado atenção aos serviços sociais, exemplo disso são as diversas entidades espalhadas pela cidade, que recebem apoio da Prefeitura." disse. "Se algumas casas fecharam, foi por falta de seriedade." Ele disse que o governo do Estado está perdido. "O problema maior não é a falta de dinheiro, mas sim de organização."