Porto Alegre, 10 (AE) - Aumenta para 61 o número de municípios em situação de emergência por causa da estiagem no Rio Grande do Sul. Segundo a Coordenadoria da Defesa Civil/RS, decretaram emergência Hulha Negra, Cacequi, Condor, Vila Nova do Sul, Jari e Barracão. No fim de semana voltou a chover nas Missões, perto da fronteira com a Argentina, e no Planalto Médio
Alto Uruguai e Fronteira Oeste, o que reanimou os agricultores.
O 8º Distrito do Meteorologia, de Porto Alegre, prevê tempo nublado nesta terça-feira em todo o Estado, com pancadas de chuva e trovoadas no Centro e no Leste. A instabilidade aumentará na quarta e na quinta-feiras.
Perdas - Relatório de duas equipes da Defesa Civil que visitaram 17 municípios das regiões das Missões, Fronteira Oeste e Depressão Central indicou 75% de perdas na lavoura de milho. Em alguns pontos, a produção leiteira foi afetada sensívelmente, com redução média de 25%. Foram constatados ainda problemas no abastecimento de água para os animais.
O governo estadual começou a distribuir 560 mil quilos de sementes de milho e oferece verba de R$ 1,5 milhão como crédito de emergência aos pequenos agricultores atingidos.