Palma de Mallorca, 28 (AE-AP) - O presidente do Real Mallorca, Guillermo Reynés, disse hoje que o clube possuiu todos os direitos sobre o ex-goleiro argentino Carlos Roa até 2002. O jogador abandonou o futebol ano passado para se tornar pastor da Igreja Adventista do Sétimo Dia. O presidente confirmou os rumores que dão conta da volta do jogador aos treinamentos. "Só que se um clube quiser contratá-lo, terá que nos procurar".
Roa, que estava no auge da carreira ao abandonar o futebol, recusou ofertas milionárias para não parar. Poucos meses depois, no entanto, retornou aos treinos. "A volta de Roa é uma grande notícia para o Mallorca, já que sempre disse que sua fé religiosa era compatível com suas atividades futebolísticas".