Reunião sobre comércio de arroz é suspensa no RS2/Mar, 22:00 Por Sérgio Bueno Porto Alegre, 2 (AE) - A reunião entre produtores de arroz do Brasil e do Uruguai foi interrompida há pouco para que a delegação uruguaia elabore um documento propondo termos para regular a exportação do produto para o mercado brasileiro. A reunião é tensa e a possibilidade de acordo entre as partes é remota. No último encontro, dia 21 do mês passado, que também ocorreu na Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul) os produtores brasileiros propuseram a limitação do ingresso de arroz argentino e uruguaio no país para 550 mil toneladas nesta safra, ante cerca de 1 milhão de toneladas de 1999. Naquela reunião, uruguaios e argentinos haviam apresentado uma proposta de 650 mil toneladas. Hoje a delegação do Uruguai apresentou um número de 746 mil toneladas incluídas aí as exportações da Argentina. O aumento da diferença entre as duas propostas complicou as negociações e o representa nte uruguaio, Daniel Rocca, acrescentou que sem a presença de representantes argentinos, que não vieram ao encontro, não seria possível firmar um acordo definitivo hoje.