Ribeirão Preto, 03 (AE) - Um preso foi gravemente ferido hoje pela manhã durante rebelião na Cadeia 2, em Ribeirão Preto, a 310 quilômetros de São Paulo. O motim começou quando três detentos tentaram fugir, foram impedidos e então atearam fogo a colchões e cobertores. No tumulto o preso Domingos Sardaneli Filho foi atingido por um tiro na cabeça, disparado por um guarda . Ele está internado em estado grave no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto, onde passou por uma cirurgia.
Segundo o delegado seccional, José Manuel de Oliveira, Sardanelli estava armado e disparou um tiro. O policial revidou. A arma foi apreendida e a polícia investiga como ela entrou na cadeia. Os presos amotinados apresentaram várias reivindicações ao delegado, entre elas uma alimentação melhor e a substituição do diretor, Marcelo Velludo. A cadeia tem capacidade para 422 presos e abriga 400 atualmente.