Curitiba - O Paraná foi o quarto estado mais visitado por turistas estrangeiros em 2010, segundo números divulgados nesta semana pelo Ministério do Turismo, e que fazem parte do Estudo da Demanda Internacional no Brasil. Como já foi verificado em anos anteriores, os principais destinos do Estado seguem sendo Foz do Iguaçu - para o turismo de lazer -, e Curitiba - para o turismo de negócios.
No geral, entre os estados mais visitados estão São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná e Bahia. Em relação aos destinos, São Paulo lidera com 13,5% do total de visitantes. Em seguida vem Rio de Janeiro (13,1%), Foz do Iguaçu (6,7%), Florianópolis (5,6%) e Salvador (3,2%). Curitiba aparece na 8 posição, respondendo por 2% dos turistas estrangeiros.
Quando consideradas apenas as viagens a lazer, os estados mais procurados são Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Bahia. Pelo mesmo motivo, as cidades mais visitadas são Rio de Janeiro, Foz do Iguaçu, Florianópolis, São Paulo, Búzios e Salvador.
Já em relação ao turismo de negócios, eventos e convenções, o ranking começa com Rio Grande do Sul, Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo. Os destinos mais procurados neste caso são São Paulo, Rio de Janeiro, Foz do Iguaçu, Florianópolis e Salvador.
De acordo com os números do levantamento, lazer é o principal motivo de viagem para 46,1% dos entrevistados, enquanto para 23,3% a motivação está relacionada a negócios, eventos e convenções.
Ações no Estado
Segundo o secretário estadual de Turismo, Faisal Saleh, o Paraná tem tudo para elevar os níveis de visitação nos próximos anos. ''Além de Foz do Iguaçu e Curitiba, que são locais com a divulgação já disseminada, estamos preparando um levantamento para verificar as potencialidades de cada região do Estado. Dentro de 60 dias devemos iniciar os trabalhos com equipes que reúnem representantes de, pelo menos, quatro secretarias. É ideal sabermos o DNA turístico do Paraná para podermos preparar uma divulgação mais completa e que atraia mais visitantes', destacou.
Saleh ressaltou que os trabalhos de divulgação do Estado no exterior já começaram e não têm o objetivo de focar somente a Copa de 2014, mas sim tornar o Paraná como um destino frequente de turistas estrangeiros. ''Estamos nos preparando junto com todo o governo para recebermos os visitantes para a Copa de 2014. O fluxo de turistas será imenso, mas nosso objetivo é tornar todo o Estado conhecido, incluindo destinos paralelos à Curitiba e Foz, que já são internacionalmente conhecidos', disse o secretário.
Mais de 300 pesquisadores percorreram por dez meses 15 aeroportos brasileiros e 12 fronteiras terrestres para coletar 39 mil entrevistas que caracterizam e identificam consumidores de turismo internacional no Brasil.
Origem e gastos
Cerca de 46% dos visitantes internacionais são sul-americanos, 31% são europeus e 15% vêm da América do Norte. Apenas dois países - Argentina e Estados Unidos - são responsáveis por 40% do receptivo brasileiro. Já em relação aos gastos, os europeus lideram o ranking. Em média, eles gastam US$ 1.614,00, três vezes mais que os sul-americanos.

Imagem ilustrativa da imagem PR é o 4º estado mais visitado por estrangeiros