CONFRONTO -

Policial morre em confronto com assaltantes de banco

Grupo fortemente armado invadiu agência da Caixa em Telêmaco Borba, nos Campos Gerais do Estado

Pedro Marconi - Grupo Folha
Pedro Marconi - Grupo Folha

Um policial militar morreu durante um confronto com criminosos em Telêmaco Borba (Campos Gerais), no início da madrugada desta sexta-feira (21). A troca de tiros aconteceu depois que um grupo assaltou uma agência da Caixa Econômica Federal localizada na avenida Paraná, no centro da cidade. 


Após a chegada de equipes da polícia ao local do assalto, houve um intenso tiroteio, com um militar sendo atingido na região do tórax e falecendo. Um outro agente de segurança foi alvejado no pé. Fortemente armada, a quadrilha conseguiu fugir. Policiais do município e região passaram toda a sexta-feira buscando membros do grupo. 




Até o final da tarde de sexta ninguém havia sido preso. A procura se concentrou numa localidade de mata, na área rural, onde foram encontrados três veículos suspeitos de terem sido usados pelos criminosos na fuga. “Não sabemos se os carros foram furtados. Foi feita a perícia, com a Polícia Federal de Ponta Grossa participando das averiguações”, destacou Paulo Sérgio Torrecilha, superintendente do setor de Investigação do 1º Distrito Policial de Telêmaco Borba. 


Como a agência bancária pertence à União, a PF vai comandar a apuração.


Segundo Torrecilha, ainda não há certeza sobre o número exato de participantes do assalto, mas um cálculo inicial apontou para 20. A suspeita é de que sejam pessoas que não vivem na região dos Campos Gerais do Estado. 


“Eles explodiram o interior da agência e pelo jeito foi tudo bem planejado. Estavam com armas de grosso calibre. Em 2015 e 2016, tivemos uma onda de assaltos a bancos em municípios menores e próximos, porém, nunca em Telêmaco Borba, que tem um batalhão da PM, efetivo maior de policiais. Foram ousados no plano e, provavelmente, é gente de fora”, analisou. 




A Caixa Econômica não informou se dinheiro foi levado ou a quantia. O banco informou que detalhes sobre eventos criminosos são repassados de maneira exclusiva às autoridades policiais e que está contribuindo com as investigações. 

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Continue lendo


Últimas notícias