Nova York, 07 (AE-DOW JONES) - A companhia farmacêutica norte-americana Pfizer fechou acordo definitivo para aquisição de sua concorrente Warner-Lambert, avaliado em cerca de US$ 90 bilhões, informou a agência Dow Jones. A companhia resultante da operação deverá ser a segunda maior do setor no mundo. De acordo com os termos da transação, a Pfizer vai trocar 2,75 ações ordinárias por cada ação disponível da Warner-Lambert, avaliadas em US$ 98,31. Na sexta-feira, as ações da Warner-Lambert fecharam em US$ 94,56 na Bolsa de Nova York.
O valor da operação representa um prêmio de 34% sobre a média de preço de fechamento das ações da Warner-Lambert durante outubro do ano passado. A companhia resultante da fusão deve ter receitas anuais de cerca de US$ 28 bilhões e valor de capitalização de mercado superior a US$ 230 milhões. As companhias prevêem elevação de 13% e 25%, respectivamente, nas receitas e lucro s até 2002. A American Home Products, com a qual a Warner-Lambert anunciou sua fusão em novembro do ano passado, receberá US$ 1,8 bilhão pela dissolução do contrato. É a maior compensação já recebida por uma companhia.