São Paulo, 08 (AE-DOW JONES) - Os contratos futuros de petróleo fecharam em baixa na New York Mercantile Exchange (Nymex), pelo segundo dia consecutivo. Mais uma vez, a queda foi liderada pelos contratos futuros de óleo para aquecimento de edifícios.
De acordo com observadores de mercado, os traders deixaram de lado as preocupações com os estoques de óleo para aquecimente e passaram a olhar para as previsões de temperaturas mais amenas para a região nordeste dos Estados Unidos.
No mercado à vista no porto de Nova York, o óleo para aquecimento estava sendo negociado a US$ 1,09 o galão, de US$ 1 40 negociados ontem. Os contratos de óleo para março seguiram a tendência de queda do mercado à vista, fechando em US$ 0,7284, com queda de 297 pontos.
"O óleo para aquecimento importado está chegando, o tempo está mais ameno e o mercado está em ritmo de correção", disse o analista de energia da Paribas em Nova York, Tom Bentz.
Os contratos de petróleo para março fecharam em US$ 28,02 o barril, com queda de US$ 0,43. A mínima foi de US$ 27,91 e a máxima, de US$ 28,49.