Parecer do Cade mantém Hebe Romano na relatoria do caso AmBev8/Mar, 14:42 Brasília, 08 (AE) - O procurador-geral do Cade, Amaury Serralvo, afirmou há pouco que, por "absoluta falta de amparo legal", não acatará o pedido de afastamento da conselheira Hebe Romano da relatoria do processo de fusão da Brahma e Antarctica. De acordo com o parecer de Serralvo, a lei que instituiu o Cade não permite ao seu presidente decidir sobre o afastamento de conselheiros. Com base neste dispositivo da lei, o parecer negou o pedido de afastamento feito pela Kaiser.