|
  • Bitcoin 147.871
  • Dólar 5,0617
  • Euro 5,2708
Londrina

Geral

m de leitura Atualizado em 08/04/2022, 06:58

Morre Tadao Takahashi, pioneiro da internet no Brasil

Pesquisador foi o segundo brasileiro a integrar o Hall da Fama da Internet, da Internet Society

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 08 de abril de 2022

Gustavo Soares/Folhapress
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

São Paulo - Morreu nesta quarta-feira (6), aos 71 anos, o pesquisador Eduardo Tadao Takahashi, considerado um dos pioneiros da internet no Brasil e fundador da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP). A morte foi devido a complicações cardíacas. O velório ocorre nesta sexta (8), entre as 9h e 11h, no Cemitério Parque Nossa Senhora Conceição, em Campinas (SP), onde o cientista vivia.

Takahashi graduou-se em Ciência da Computação pela Unicamp, em Comunicação Social pela PUC (Pontifícia Universidade Católica) de Campinas e em informática pelo Instituto de Tecnologia de Tóquio, no Japão. Como primeiro dirigente da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), entre 1989 e 1996, Takahashi foi fundamental no processo da implementação da internet no Brasil. "Tadao foi o idealizador do então projeto de pesquisa do CNPq que uniu governo, academia e empresas na construção da internet no Brasil. Esse enorme desafio foi liderado por ele com energia e muito sucesso, graças a sua grande capacidade de planejamento estratégico, articulação institucional, criatividade, perseverança e inteligência", diz nota da diretoria da RNP, organização vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Outras instituições ligadas à internet também homenagearam o pesquisador, como o CGI.br (Comitê Gestor da Internet no Brasil), do qual foi conselheiro entre 1995 e 2003, e a Internet Society (Isoc). "Takahashi iniciou uma das primeiras redes acadêmicas no Brasil, e foi uma força motriz no esforço de coordenação com outras redes acadêmicas nacionais para estabelecer uma espinha dorsal que viria a se tornar a fundação da internet brasileira", afirmou a Isoc, em nota. Tadao Takahashi também foi o segundo brasileiro a integrar o Hall da Fama da Internet, da Internet Society, em 2017. O primeiro foi o diretor-presidente do NIC.br, Demi Getshcko, em 2014.