Buenos Aires, 26 (AE-AP) - Os atacantes Gabriel Batitusta e Hernán Crespo, que atuam na Itália, não jogarão juntos pela seleção argentina na partida de quarta-feira contra o Chile, na estréia das Eliminatórias para a Copa de 2002. O anúncio foi feito hoje pelo treinador Marcelo Bielsa em reunião com o grupo.
"Minhas dúvidas para escalar o time não passam pelo ataque. Garanto que os dois não jogarão juntos, pelo menos de início", disse o treinador, que não forneceu a escalação oficial. No entanto, Bielsa não descartou a possibilidade de que ambos possam formar a linha de ataque em algum momento da partida.
Na história do confronto contra o Chile, a Argentina leva ampla vantagem, com 48 vitórias contra 5 do rival, em 69 jogos. A última vitória do Chile aconteceu em 1973 por 3 a 1, em jogo válido pela Copa Carlos Dittborn.