Pouso Alegre, 06 (AE) - Minas Gerais poderá recorrer a empréstimos internacionais para a recuperação das cidades atingidas pelas chuvas no Sul do Estado. "Se não tiver a solidariedade do governo federal, Minas poderá recorrer às instituições internacionais", disse hoje o governador Itamar Franco (sem partido), depois de ouvir os relatos de prefeitos da região.
Itamar mais uma vez criticou o presidente Fernando Henrique Cardoso alegando que os recursos liberados por ele serão insuficientes. "R$ 5 milhões não são sinal de solidariedade". O governador argumentou que a União controla o câmbio, a política econômica e tem instrumentos para ajudar mais se quiser.
Além dos prefeitos dos 41 municípios atingidos, Itamar Franco recebeu hoje, em encontro no 20º Batalhão da Polícia Militar em Pouso Alegre, outros 23 prefeitos de cidades próximas. Eles foram oferecer ajuda aos municípios inundados. A prefeitura de Lambari, estância hidromineral pouco afetada, ofereceu água potável para as cidades necessitadas.