Megaferiado em SP tem queda ligeira de movimentação nas estradas


LUCIANO TRINDADE
LUCIANO TRINDADE

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A adoção de um megaferiado na cidade de São Paulo como medida para conter o avanço do coronavírus teve reflexo pequeno na movimentação de carros nas estradas. Entre quarta-feira (20) e segunda (25), o número de veículos nas rodovias foi 4,2% menor em relação ao mesmo período na semana anterior.

Os dados são do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), segundo o qual 7,1 milhões de veículos passaram pelas rodovias contra 7,4 milhões na semana retrasada, redução de cerca de 335 mil carros.



O sistema Anchieta-Imigrantes, contudo, registrou indíce superior ao saldo total das estradas. O principal acesso ao litoral teve queda de 7,9% nos seis dias.

Quando o megaferiado foi anunciado, os prefeitos das cidades do litoral chegaram a pedir ao Governo do Estado o bloqueio das estradas para evitar uma invasão de turistas, o que não foi aceito.

Desde o início da pandemia, a região vem recebendo turistas e veranistas que vêm desrespeitando a quarentena decretada pelo governo do estado, especialmente quem possui residência na região.

O governo estadual, no entanto, ofereceu apoio aos municípios para a instalação de barreiras sanitárias na entrada das cidades, com o objetivo de oferecer orientação aos turistas. A ação foi promovida com ajuda da Polícia Militar.



O estado de São Paulo chegou a 83.625 casos confirmados e 6.220 óbitos até segunda-feira (25).

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo