Cuiabá, 26 (AE) - A Secretaria de Estado de Saúde confirmou hoje a primeira morte causada por dengue hemorrágica em Mato Grosso. A vítima é uma professora de Barra do Garças, leste do Estado, a 500 quilômetros de Cuiabá, divisa de Goiás. Foi o primeiro diagnóstico positivo desde 1998 no Estado.
A professora - o nome não foi revelado -, morreu em fevereiro, depois de apresentar os sintomas da doença, mas somente hoje a secretaria resolveu divulgar a causa do óbito. Outras duas pessoas do município também apresentaram sintomas semelhantes ao da professora, porém os exames não deram positivo para nenhuma doença.
"Felizmente e infelizmente não houve resultado positivo para nada: felizmente porque sabemos que não é nenhuma dessas doenças e infelizmente porque ficamos sem diagnóstico", lamentou Euze Carvalho, coordenador da Vigilância Epidemiológica de Mato Grosso.