Assine e navegue sem anúncios [+]

LOTADOS| Leitos de enfermaria do SUS para tratamento de Covid em Londrina estão 100% ocupados


Pedro Moraes - Grupo Folha
Pedro Moraes - Grupo Folha

A capacidade de ocupação das enfermarias do SUS (Sistema Único de Saúde) em Londrina atingiram pela primeira vez a marca de 100% de utilização. A informação divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde, no boletim deste domingo (7), aponta que os 96 postos atendem pessoas que apresentam quadro sintomático da Covid-19. Na rede pública também mantém uma média alta para as UTIs, com 84% de uso, o que representa 89 internados na rede que conta com 106 postos de alta complexidade.


 

Paciente com Covid-19 em tratamento no Hospital Universitário de Londrina
Paciente com Covid-19 em tratamento no Hospital Universitário de Londrina | Sergio Ranalli
 


VOCE PODE GOSTAR DE LER 

+ Juíza determina retorno imediato das aulas em Londrina

+ Nova remessa de vacina contra Covid-19 chega em Londrina


A situação de toda a rede da cidade, incluindo os Hospitais particulares, não apontam a mesma gravidade. As vagas gerais de enfermaria – para todas as outras doenças – estão com 50% ocupadas. No total são 1209, sendo que 608 atentem a algum paciente no momento. Já as UTIs gerais têm 73% de lotação, 225 com pacientes, num universo de 309 postos. A FOLHA procurou o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, para comentar a situação, mas ainda não conseguiu retorno.


O boletim ainda aponta que, nas últimas 24 horas, 375 novos casos e dois óbitos foram notificados – dois homens de 74 e 90 anos. A média de casos nos últimos sete dias foi de 341 infectados. No momento, segundo o documento, há 538 pessoas com a doença na cidade, sendo que 101 delas estão internadas, 41 precisando de cuidados especiais em UTI. Desde o início da pandemia já foram contabilizados 32.953 doentes e 605 mortes.


A cidade, que é o centro de atendimento da região da 17ª Regional de Saúde do Estado do Paraná, está com a incidência de doentes por milhão de habitantes maior que a nacional. São 57.839,37 contra 44.995,00. Ainda aguardam resultados de testes 107 pessoas. O município até agora já realizou 122.260 testes para atestar pessoas que tinham suspeita da infecção pelo coronavírus.


ATENDIMENTO

A cidade oferece à população um serviço para tirar dúvidas sobre a virose através do telefone 0800-400-1234, que funciona de segunda a sexta, das 7h às 22h, e sábados e domingos, das 7h às 17h. As chamadas são gratuitas e podem ser feitas de telefone fixo ou celular. Aquelas pessoas que precisarem de atendimento deverão procurar uma das seis UBS (Unidades Básicas de Saúde) – Guanabara (Centro), Bandeirantes (Região Oeste), Ouro Branco (Região Sul), Chefe Newton e Maria Cecília (Região Norte), e Vila Ricardo (Região Leste) – que estão de portas abertas de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Já a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Sabará (Região Oeste) é exclusiva para problemas respiratórios e está funcionando 24 horas.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo