Arar, Iraque, 01 (AE-AP) - O vice-presidente do Iraque, Taha Yassin Ramadan, classificou de mentiras as alegações dos EUA de que seu governo importa grandes quantidades de bebidas alcoólicas "para manter seus oficiais felizes".
"O Iraque não importa álcool", disse Ramadan. "As mentiras do Departamento de Estado dos Estados Unidos já são bem conhecidas por todos". O vice-presidente falou depois da cerimônia de abertura de uma nova entrada na fronteira com a Arábia Saudita, desenhada para facilitar a peregrinação aos locais sagrados do Islã.
O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, James. P. Rubin, afirmou hoje que a liderança iraquiana vem importando grandes quantidades de bebidas alcoólicas. "O regime de Bagdá está consumindo mais de 10.000 litros de uísque, 350.000 latas de cerveja e 700 garrafas de vinho por semana", afirmou Rubin.