Cidade do México, 01 (AE-DOW JONES) - A Bolsa de Valores do México fechou com o índice IPC em alta de 246,28 pontos, ou 3 43%, em 7.614,83 pontos - nível mais elevado desde 11 de fevereiro.
O volume somou 2,28 bilhões de pesos, com 148 milhões de ações negociadas. De acordo com traders, o mercado foi impulsionado pela forte alta das ações do setor bancário, numa onda de otimismo com relação as perspectivas econômicas do país.
As ações do setor bancário foram estimuladas pelas especulações de que as agências de risco de crédito irão conferir ao México o status de "grau de investimento".
"A elevação do rating do Brasil nesta terça-feira renovou as apostas de que a elevação do México é algo iminente", disse o analista da Donaldson, Lufkin & Jenrette em Nova York, Stephen Dreskin.
"As ações dos bancos estão baratas, o setor está saindo de uma fase muito ruim", disse o analista da Bear, Stearns & Co. em Nova York, Robert Lacoursiere. As ações do Bancomer subiram 11,4%, as do BBV-Probursa subiram 25,4%, enquanto que as do Banorte registraram ganho de 6,5%.