Agência Estado
De Cuiabá
Os promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e a Polícia Federal localizaram ontem um cemitério clandestino em um sítio em São José dos Quatro Marcos (MT), na fronteira com a Bolívia. Nas primeiras escavações foram localizadas duas ossadas, que estão sendo analisadas por peritos do Instituto Médico-Legal (IML) de Cuiabá. O sítio pertence aos irmãos José Maria, Gilmar e Genildo Machado. Os três foram presos, suspeitos de envolvimento com o narcotráfico, homicídios e ocultação de cadáver.
As testemunhas que colaboram com o Ministério Público foram retiradas da cidade. A descoberta deve ajudar a polícia a esclarecer o desaparecimento de pelo menos 15 pessoas em dois anos.