São Paulo, 06 (AE) - O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) divulgou esta tarde boletim sobre a situação das rodovias paulistas afetadas pelas chuvas. A região mais prejudicada é a do Vale do Paraíba, nas ligações com o município de Campos de Jordão e com o sul de Minas Gerais.
A Rodovia Monteiro Lobato (SP-50), que liga São José dos Campos a Campos dos Jordão, está totalmente bloqueada para o tráfego. As rodovias Floriano Rodrigues Pinheiro (SP-123), entre Taubaté e Campos do Jordão; Osvaldo Barbosa Guizardi (SP-46), que liga Santo Antônio do Pinhal à Rodovia SP-123 e Júlio da Silva (SP-42), entre São Bento do Sapucaí (SP) e a divisa de Minas Gerais estão parcialmente interditadas.
Na Floriano Rodrigues Pinheiro está prevista para amanhã a detonação de um maciço rochoso no quilômetro 42,8. A explosão ainda não tem horário confirmado por causa da instabilidade das condições meteorológicas e vai provocar o deslizamento de uma enorme rocha, prejudicando a segurança dos usuários. A Polícia Rodoviária continua monitorando o tráfego no local e realiza comboios para possibilitar o transporte emergencial de suprimentos para Campos do Jordão. A cada hora par é liberado um pequeno comboio descendo a serra. Em direção a Campos do Jordão, os comboios são realizados nas horas ímpares. A PR recomenda aos usuários que evitem trafegar pelas rodovias da região.
A rodovia Dr. Avelino Júnior (SP-52), que liga Cruzeiro (SP) a Passa Quatro (MG), continua interditada em razão de uma queda de barreira nas proximidades do quilômetro 231. Em Ilhabela, na SP-131, há um ponto de erosão perto do quilômetro 12, onde o tráfego está fluindo em meia pista. Nos quilômetros 6 1 e 6,9 há riscos de quedas de barreiras. Equipes do DER e da prefeitura estão trabalhando no local.
No município de Conchal, na região nordeste do Estado, ocorreu deslizamento na cabeceira da ponte sobre o Rio Mogi Guaçu, no quilômetro 185,8 da SP-332 (Rodovia General Milton Tavares de Souza). O tráfego está fluindo em meia pista.