Rio, 25 (AE) - A delegada da Polinter da Paraíba, Maria Rodrigues de Vasconcelos, acusada de pertencer à quadrilha de Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, desembarcou hoje no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro. Maria Rodrigues chegou às 11h15 e foi levada para a carceragem da Polínter, no centro. Ela só pôde ser transferida graças ao mandado de prisão expedido pela juíza Tereza Avelar, da 1ª Vara Criminal de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Durante o vôo, foi acompanhada pelo diretor da Polínter do Rio, delegado álvaro Lins.
A delegada foi presa na quinta-feira, em João Pessoa. Ela é acusada de atuar como segurança da quadrilha de Fernandinho Beira-Mar, repassando informações sigilosas e dificultando ações policiais contra o grupo. Nas últimas 48 horas, outras 20 pessoas foram presas, em três Estados. Todos são acusados de pertencer à quadrilha de Beira-Mar.