Campos ainda está proibido de receber visitas3/Mar, 17:39 Por Roberta Pennafort Rio, 03 (AE) - O economista, diplomata e integrante da Academia Brasileira de Letras (ABL) Roberto Campos continua sob cuidado médico permanente na Clínica São Vicente, na zona sul. Internado há uma semana, ele vem apresentando melhora nos últimos dias, mas ainda não pode receber visitas. Campos deixou o Centro de Tratamento Intensivo (CTI) da clínica ontem (02) e foi transferido para um quarto particular. De acordo com o último boletim médico divulgado dois dias atrás, Campos está começando a se recuperar das dificuldades de fala decorrentes da isquemia que sofreu. No dia 25, o ex-senador teve crises de hipoglicemia (falta de açúcar no organismo) e de hipertensão e foi levado para o Prontocor, na Tijuca, de onde foi transferido no domingo (27). Não há previsão de alta.