Campanha da Fraternidade incentiva a cidadania


FOLHA CIDADANIA
FOLHA CIDADANIA

"Não tem cunho partidário e nem ideológico", frisou o arcebispo de Londrina, dom Geremias Steinmetz, no lançamento da Campanha da Fraternidade 2019. Com o tema "Fraternidade e Políticas Públicas" e o lema "Serás libertado pelo direito e pela justiça", a Igreja Católica pretende incentivar a participação popular dos fiéis em todo o País em conselhos municipais e estaduais, associações e projetos que busquem assegurar o acesso a direitos básicos como saúde, educação e moradia.

Campanha da Fraternidade incentiva a cidadania
Gina Mardones



O arcebispo reforçou a importância da reflexão para o exercício da cidadania. "O objetivo é estimular a participação em políticas públicas à luz da palavra de Deus e da doutrina social da Igreja para fortalecer a cidadania e o bem comum. A Igreja está se dispondo a um verdadeiro diálogo com a sociedade brasileira, ela está levantando essa reflexão sobre políticas públicas tão necessárias. [...] Acreditamos em uma democracia plena, onde os cidadãos possam realmente participar e essa via de participação é a conscientização sobre os problemas e sobre as necessidades sociais", destacou.

A missa de abertura da campanha foi celebrada na Catedral de Londrina. O tema, segundo ele, foi pensado nos últimos dois anos e as ações devem ocorrer de forma permanente, independentemente de quem estiver à frente da gestão dos municípios, dos Estados e do País. Entre as propostas estão a formação e capacitação de lideranças, além da reorganização e fortalecimento das pastorais sociais.

Políticas públicas - Atividades dos governos que, diretamente ou através de delegação, influenciam a vida dos cidadãos

Pastorais sociais - Trabalhos desenvolvidos pela Igreja, numa ação organizada para atuar com o objetivo de "atender" determinados problemas




Continue lendo


Últimas notícias