São Paulo, 29 (AE) - A Bolsa de Tóquio fechou em alta, refletindo a melhoria do ambiente no mercado, após a Média Industrial Dow Jones ter conseguido superar o nível de 10 mil pontos no fechamento de ontem, situando-se em 10,038 pontos. O índice Nikkei-225 subiu 239,42 pontos (+1,21%), para terminar a sessão em 19.959,52 pontos, enquanto o Topix, índice amplo com a variação de todas as ações do pregão matutino, teve uma perda de 9,50 pontos (-0,54%), fechando em 1.718 pontos.
Grande parte dos ganhos do Nikkei foi relacionado à aceleração das ações da Sony, que dispararam 4,8%. Os papéis da gigante eletroeletrônica foram comprados, principalmente, por investidores que se desfizeram das ações da NTT Docomo e migraram para a Sony, por conta das expectativas em torno do lançamento da segunda geração do video game PlayStation. "O ganho do Dow Jones ontem deu alívio para o pregão local sobre as p erspectivas para o mercado acionário norte-americamo. Apesar disso, o meercado está mais focado para o Nasdaq, cujo desempenho tem afetado as populares ações ligadas aos setores de informação e comunicação no Japão", avaliou Masahiko Sato, vice-gerente de transações da Nomura Securities. Ontem, o Nasdaq perdeu 12 pontos (-0,28%), para 4.577 pontos. "A queda do Nasdaq gerou preocupações. O fato de os investidores realizarem lucros com a NTT Docomo e reinvestir nos papéis da Sony demonstram como eles estão desconfortáveis em permancer com o mesmo papel por muito tempo", disse Masatoshi Sato, gerente da Kankaku Securities. A NTT Docomo caiu 90 mil ienes para 4,43 milhões de iens, após quatro sessões consecutivas de ganho. Em razão da queda do Nasdaq, o Softbank recuou 3,5%. A movimentação em Tóquio foi motivada pela vigorosa compra de blue chips por gerentes de portfólios estrangeiros e l ocais. Além disso, fundos de pensões norte-americanos deram uma motivação extra ao mercado momentos antes do fechamento da sessão, puxando os preços para cima em um movimento de composição de carteira, conhecido como "window-dressing".