Buenos Aires, 06 (AE) - Representantes do Grupo Brasil, núcleo de 200 empresas brasileiras e argentinas com investimentos de US$ 5 bilhões nos dois países, anunciaram hoje que terão no próximo dia 26, no Rio, a primeira reunião com o presidente do BNDES, Andrea Calabi, para discutir a criação de uma linha de financiamento especial para projetos de integração no Mercosul.
A proposta surgiu em dezembro, em Buenos Aires, durante encontro do presidente Fernando Henrique Cardoso com empresários do Grupo Brasil, no dia seguinte ao da posse de Fernando De la Rúa na presidência da Argentina.
O Grupo Brasil realizou hoje seu primeiro encontro preparatório para a reunião com o BNDES. Seus integrantes previram que a de crédito a ser criada pelo BNDES poderá transformar a instituição na maior fonte de recursos para investimentos produtivos e de serviços do Mercosul. A delegação do Grupo Brasil estará liderada por Eloi Rodrígues de Almeida e João de Faria Burnier, respectivamente presidente e vice da entidade.