Montevidéu, 08 (AE-DOW JONES) - A Aladi (Associação Latino-Americana de Integração) instalou um tribunal de arbitragem para buscar uma solução ao conflito comercial entre Bolívia e Chile. A Bolívia reclama das tarifas alfandegárias impostas pelo Chile às importações de óleo de soja e girassol do país.
A Aladi, com sede em Montevidéu, é integrada pelo Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, México, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela. O presidente da Aladi, o venezuelano Juan Francisco Rojas, disse que a escolha da associação pra mediar o conflito é um fato "muito positivo".