São Paulo, 01 (AE) - O administrador regional de São Mateus, José Roberto Mesquita, foi exonerado hoje pelo prefeito de São Paulo, Celso Pitta (PTN), no dia em que voltava de férias. Segundo a Secretaria das Administrações Regionais (SAR), foi um "procedimento normal". A SAR não conseguiu localizar o engenheiro hoje. Ele tem até amanhã (02) para transmitir o cargo ao administrador interino.
Funcionário de carreira da Prefeitura, Mesquita é um dos citados em inquérito civil que investiga supostos benefícios dados por empresas de lixo a ex-administradores regionais da Penha, onde ele trabalhava. Segundo a SAR, a demissão do engenheiro não tem ligação com o inquérito.
Outros ex-administradores regionais da Penha foram citados no inquérito da Promotoria de Justiça da Cidadania do Ministério Público Estadual que investiga suspostas propinas pagas por empresas de coleta de lixo. Eles também respondem por envolvimento na máfia das regionais, em esquema que seria comandado na região pelo vereador cassado Vicente Viscome.