Rio, 10 (AE) - Mais uma vez foi adiada a entrega do relatório final do inquérito que apura o grampo no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O delegado federal Rubens Grandini, encarregado do inquérito, não conseguiu viajar para o Rio hoje, onde apresentaria o documento ao Ministério Público Federal. Ele informou aos procuradores da República que, como está interinamente respondendo pela Superintendência da Polícia Federal no Mato Grosso do Sul, não pôde sair do Estado. A entrega do relatório ficou marcada para o próximo dia 25.