Brasília, 11 (AE) - O presidente do Senado, Antônio Carlos Magalhães, disse há pouco ao chegar ao seu gabinete que, se fosse o presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, não demitiria o ministro da Defesa, Élcio álvares. Ele frisou que este é um problema do presidente, mas arriscou palpite: "Tenho impressão que o ministro vai ser mantido".