|
  • Bitcoin 125.500
  • Dólar 5,0741
  • Euro 5,2058
Londrina

Folha Rural

m de leitura Atualizado em 13/08/2022, 14:59

Grupo ligado ao agronegócio divulga carta em defesa da democracia

PUBLICAÇÃO
sábado, 06 de agosto de 2022

Folhapress
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

São Paulo  - Representantes do agronegócio, do setor financeiro, de empresas, da sociedade civil e acadêmicos divulgaram na última quarta-feira (3) uma carta em favor da democracia e do sistema eleitoral brasileiro. São mais de 300 representantes destes grupos, reunidos pela Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura. "O objetivo é contribuir com uma defesa apartidária do processo eleitoral do Brasil, que desde a redemocratização do país tem mostrado uma inabalável segurança na apuração da vontade popular expressa pelo voto", diz o grupo.

"E ressaltamos que o processo eleitoral é inquestionável e imprescindível para toda e qualquer discussão que vise à prosperidade do país. Sem democracia não há desenvolvimento e sustentabilidade. Sem sustentabilidade não há futuro possível", completa a nota.

A nota ressalta que o Brasil tem se esforçado para manter "instituições sólidas", com respeito às leis e no "equilíbrio de direitos e deveres". Para o grupo, isso tudo tem como alicerce "eleições limpas" para manifestação da vontade popular." O futuro que queremos depende do diálogo entre divergentes e do respeito ao resultado das eleições. Este deve ser um ponto pacífico entre todos os atores que se dispõem a representar a sociedade brasileira à frente de um Estado democrático de Direito", finaliza.

O documento foi encaminhado ao STF (Supremo Tribunal Federal), a membros do Congresso Nacional e a alguns ministérios, além de embaixadas, bancos e instituições de desenvolvimento.