|
  • Bitcoin 100.609
  • Dólar 5,2295
  • Euro 5,4683
Londrina

Folha Rural

m de leitura Atualizado em 18/05/2022, 15:16

Estado nomeia veterinários e técnicos aprovados em concurso

Governo divulgou edital que dá início ao Processo Seletivo Simplificado para a contratação de mais 34 técnicos agrícolas

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 18 de maio de 2022

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

Foto: Divulgação Adapar/Seab
menu flutuante

Por meio do Decreto 11.109 , foram nomeados nesta terça-feira (17) 25 médicos veterinários e 13 técnicos de manejo e meio ambiente para exercerem suas funções na Adapar (Agência de Defesa Agropecuária do Paraná). Também foi divulgado o Edital 001/2022 , dando início ao PSS (Processo Seletivo Simplificado) para a contratação de mais 34 técnicos agrícolas. Para saber mais, acesse https://www.aen.pr.gov.br/sites/default/arquivos_restritos/files/documento/2022-05/1705editalpss_0.pdf

O documento de nomeação leva a assinatura do governador Carlos Massa Ratinho Junior; do secretário da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara; do chefe da Casa Civil, João Carlos Ortega; e do secretário da Administração e da Previdência, Elisandro Pires Frigo. Os nomeados foram aprovados no concurso realizado em 12 de setembro do ano passado.

Imagem ilustrativa da imagem Estado nomeia veterinários e técnicos aprovados em concurso Imagem ilustrativa da imagem Estado nomeia veterinários e técnicos aprovados em concurso
|  Foto: Divulgação Adapar/Seab
 

“A contratação de novos profissionais era um compromisso nosso com a sociedade paranaense, com a classe produtiva e com os servidores da Adapar para reforçar a rede de vigilância sanitária e termos bom trabalho preventivo em relação à febre aftosa e para o combate de outras doenças”, afirmou Norberto Ortigara, secretário da Agricultura e do Abastecimento. “Um compromisso assumido é um compromisso honrado”.

Além disso, as contratações faziam parte das conversas com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e com a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). “É mais uma sinalização importante e necessária de que levamos muito a sério a defesa agropecuária no Estado”, disse o presidente da Adapar, Otamir Cesar Martins. (Com Agência Estadual de Notícias)