Campanha Saca do bem busca doação de grãos para o Hospital do Câncer


Reportagem local
Reportagem local

O Hospital do Câncer de Londrina (HCL), em parceria com empresas do setor de agronegócio, realiza a campanha Saca do Bem, que tem o objetivo de incentivar produtores rurais a doarem sacas de suas colheitas para a instituição. A iniciativa inédita, que envolve as empresas Agro100, Belagrícola, Cocamar, Integrada, Produza, Ponto Rural e Semegrão, tem a meta de obter a doação de 13 mil sacas, o que deve ser atingido diante da excelente safra e dos bons preços do mercado. 



 

Campanha Saca do bem busca doação de grãos para o Hospital do Câncer
iStock
 



Até o momento, foram arrecadadas 2 mil sacas. Com as chuvas do início do mês, a colheita está atrasada, por isso, ainda dá tempo de aderir a essa iniciativa que  vai alimentar a esperança de milhares de pacientes do Hospital do Câncer de Londrina. A instituição tem 55 anos de existência e atende hoje mais de 40 mil pessoas, em mais de 250 municípios. Os agricultores que optarem pela doação, ao entregarem a produção nas unidades de recebimento das empresas, poderão destinar o número de sacas que quiserem ao Hospital do Câncer. O valor financeiro referente à quantidade doada será destinado ao HCL. 

Presentes do norte a oeste do Paraná, as empresas participantes da campanha já estão aptas a receberem as doações. Para isso, basta informar a quantidade de sacas a serem doadas, no momento da entrega da soja. O HCL agradece a adesão do agronegócio a tão importante causa.

O coordenador do marketing da campanha, Fabio Maneiro, explica que o ano de 2020 foi difícil para todos, mas principalmente para o setor da saúde, que depende da solidariedade constante para manter os atendimentos. “O agro sempre nos ajudou, mas este apoio coletivo, com o engajamento de todos os diretores, gerentes e colaboradores, me deixou muito emocionado, pois estamos falando de alimento, de cura para estas pessoas, afinal, nestes tempos difíceis de pandemia, a saúde é o que importa”, finaliza.

Para a coordenadora geral da captação de recursos e voluntariado do hospital, Iracema Fabian, a mobilização será fundamental para a manutenção dos atendimentos. “Somos muito gratos a este belíssimo exemplo para a comunidade empresarial, legado de todo setor do agronegócio em benefício dos pacientes do Hospital do Câncer”, agradeceu.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo