|
  • Bitcoin 102.220
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Folha Mais

m de leitura Atualizado em 06/02/2022, 18:22

Kat Von D tem casa invadida e suspeito alega querer usar banheiro, diz site

A tatuadora teve sua casa invadida enquanto ela e seu filho de 3 anos estavam dormindo na noite de sábado

PUBLICAÇÃO
domingo, 06 de fevereiro de 2022

Folhapress
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

A tatuadora Kat Von D, conhecida por sua participação no programa de TV Miami Ink, sofreu um susto na noite deste sábado (5) ao ter sua casa invadida por um homem enquanto ela e seu filho, Leafar, de 3 anos, estavam dormindo dentro da residência, em Los Angeles (EUA).

Tatuadora havia colocado a casa à venda na última semana de janeiro Tatuadora havia colocado a casa à venda na última semana de janeiro
Tatuadora havia colocado a casa à venda na última semana de janeiro |  Foto: Reprodução Instagram
  

Segundo informações de fontes policiais ao site TMZ, Kat acordou por volta de 22h15 e viu um ponto de luz se movendo do lado de fora do seu quarto. Ela pegou o filho no colo e ligou para o número de emergência dos Estados Unidos. Quando chegaram, os policiais encontraram um invasor, na casa dos 30 anos, andando pelo segundo andar do imóvel.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por 𝐊𝐀𝐓 𝐕𝐎𝐍 𝐃 (@thekatvond)

Questionado pela polícia, o homem afirmou que estava no processo de compra da casa, que pertence à tatuadora, e que precisava usar o banheiro. A estrela da TV norte-americana realmente colocou a mansão, avaliada em US$ 15 milhões (R$ 79 milhões na cotação atual) à venda, o que sugere que o invasor sabia quem morava no local.

Ele foi levado para a delegacia e será investigado por invasão de domicílio. O suspeito pulou uma cerca para chegar até o imóvel, mas as autoridades ainda não conseguiram esclarecer se ele entrou por uma das janelas ou pela porta, já que não haviam sinais de arrombamento, completou o TMZ.

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1.