|
  • Bitcoin 104.016
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

RENDA EXTRA

m de leitura Atualizado em 07/02/2022, 17:26

DROPSHIPPING: Saiba como começar seu negócio agora mesmo

Relações de vendas em gotas reduzem os custos dos investimentos iniciais e da necessidade de armazenagem de produtos para lojas virtuais

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 07 de fevereiro de 2022

Lucas Souza - estagiário
AUTOR autor do artigo

Foto: iStock
menu flutuante

A intenção de empreender e iniciar o negócio próprio entre os brasileiros cresceu de 30% em 2019 para 53% em 2020, segundo pesquisa internacional de empreendedorismo GEM (Global Entrepreneurship Monitor), cuja análise ainda acrescenta um índice de 57,3% dos entrevistados que acreditam ser um momento bom para empreender. A pesquisa foi realizada com o apoio do Sebrae, em parceria com o IBPQ (Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade) e os dados apontam que o percentual representa 50 milhões de brasileiros que ainda não empreendem e que querem abrir um negócio nos próximos três anos.

Desse total, 1/3 teria sido motivado pela pandemia da Covid-19. Pela primeira vez, a pesquisa GEM também identificou que ter uma empresa é o segundo maior sonho do brasileiro. Que, as vezes esbarra no investimento inicial que pode se tornar um empecilho para tirar planos do papel, principalmente, em época de instabilidade econômica, desemprego e a falta de oportunidades no mercado de trabalho.

Mas ao mesmo tempo que alguns negócios podem levar mais tempo e mais investimentos, algumas alternativas e oportunidades estão se abrindo em novos modos de relações comerciais. Uma delas que tem se destacado por seu baixo custo inicial, é o dropshipping, vendas em gotas em livre tradução. Esse novo modo de comercio eletrônico pode ser uma fonte de renda lucrativa sem que o empreendedor tenha que gastar um investimento inicial em produtos no estoque que nem sabe se irá vender.  Mas o que é, como funciona e como você pode começar seu negócio agora mesmo?

Entenda como funciona o comércio no dropshipping Entenda como funciona o comércio no dropshipping
Entenda como funciona o comércio no dropshipping |  Foto: Gustavo Padial/Folha Arte
   

O QUE É DROPSHIPPING? 

O dropshipping é uma técnica varejista que não precisa de estoque físico para armazenamento dos produtos, ou seja, o processo de produção é terceirizado como a produção, armazenamento e o transporte de entrega dos itens.  Por exemplo, você criou uma loja de camisetas e desenvolveu a loja virtual e as estampas porém não tem as camisetas, o maquinário e estoque para começar a estampar. Devido a isto, é necessário que você feche negócio com um fornecedor (fábrica) que ficará responsável por todo o processo de fabricação e envio. Este modelo é excelente pois você se preocupara somente com a divulgação, marketing e atendimento pós-venda dos clientes.  

O principal atrativo neste tipo de negócio é o baixo investimento inicial visto que o fornecedor ficará responsável por separar, embalar e despachar o produto e realizará também serviços de pós-venda como devolução, reparo e assistência técnica. Isto gera uma diminuição de gastos do empreendedor que não precisará se preocupar com frete, estoque e o produto caso não realize a venda. O produto só sairá do estoque do fornecedor caso a venda seja concluída, ou seja, o cliente realiza a compra na loja online, paga por este produto e somente depois que a loja realizará a compra do item com o fornecedor para ser enviado ao cliente. 

FORNECEDORES 

A maior dificuldade do negócio é encontrar um bom fornecedor para sua marca. Dentre as principais características para se analisar um fornecedor está na qualidade do material, o tempo de fabricação/produção do produto (em alguns casos), a confiabilidade e reputação do fornecedor, se é nacional ou internacional, o processo de logística (entregas e devoluções) e preços atrativos. É aconselhável pedir ao fornecedor uma amostra do produto antes de começar as vendas. 

NICHO 

Escolher o nicho em que irá atuar é de extrema importância. Saber o que o público-alvo deseja e poder oferecer isso com uma boa qualidade é a chave do negócio. Então antes de tirar do papel, saiba qual área em que irá atuar, qual o diferencial do seu produto, estude sobre seu público-alvo e sua demanda.

CONCORRÊNCIA 

Nas lojas online você encontra os mesmos produtos por diversos preços, saber se destacar entre a concorrência vai te levar a ter um bom sucesso e não ser engolido por outros negócios. Por isso é importante estudar seu concorrente, a qualidade e os produtos que estão sendo ofertados e os preços. A partir disso, é necessário montar um plano para destacar, seja no diferencial do seu produto, uma boa campanha de marketing, oferecer um bom atendimento tanto antes como após a venda e mostrar no que seu produto é o melhor, mesmo que seja semelhante ao do concorrente.

PLATAFORMAS 

Para começar a fazer dropshipping pela internet é necessário escolher uma plataforma para criar sua loja. Antes de tudo é necessário saber o nicho em que você irá atuar e seus objetivos, algumas plataformas não exigem CPF ou CNPJ para iniciar as vendas. As plataformas mais usadas no mercado são: 

Shopify – Fundada em 2006 com cede no Canadá, é uma empresa que desenvolve softwares e serviços para lojas online como design e layout da página, gerenciamento de estoque e de vendas e diferentes formas de pagamento. Para iniciar as vendas na plataforma é necessário escolher um dos três planos mensais ofertados: plano básico de USD29,00, o plano shopify de USD79,00 (recomendado pela plataforma) e o plano advanced shopify de USD299,00. É possível utilizar a plataforma 14 dias gratuitamente e após o teste é necessário escolher o plano que se encaixe melhor em seus objetivos. 
NuvemShop - Lançada no Brasil 2012, a plataforma oferece serviços para a criação do seu site, com mais de 40 opções de layout é possível escolher o que mais se encaixa no segmento em que irá atuar. O principal foco são pequenas e médias empresas que atuam na América Latina. A plataforma possui 4 tipos de planos: Impulso, Influência, Escala e Empresarial, os planos podem ser adquiridos de forma mensal, trimestral ou anual. É possível utilizar a plataforma 30 dias gratuitamente e após o prazo é necessário escolher um dos planos. 
Jumpseller – Criado em 2010 com mais de 10 mil lojas em todo o mundo, a plataforma oferece diversos tipos de layout para seu negócio e diferentes plataformas de negociação como Facebook, Mercado Livre, Google, Instagram e WhatsApp Business. Os planos variam entre: Basic, Plus, Pro e Premium com 3 tipos de cobrança que são mensais, anuais ou bienais. 

RISCOS 

Apesar do dropshipping ser considerado de risco médio, todo negócio/investimento há riscos que podem ocorrer. Todo negócio precisa de um planejamento prévio para não ocorrer surpresas futuras, dentre elas buscar se especializar no assunto e entender melhor sobre o negócio. Para não ter frustações em iniciar o empreendimento e depois não conseguir dar continuidade é necessário se informar, principalmente o nicho em que irá atuar, ver a concorrência, preços praticados no mercado, margem de lucro, valor de reinvestimento, investimento inicial necessário para a divulgação do negócio. Tudo isso é necessário pesar na balança antes de lançar uma marca no mercado. 

Muitas lojas de dropshipping falham já no primeiro ano pois os empreendedores agem com a emoção e não buscam um plano antes de iniciar o negócio. Quando se trabalha com estoques de terceiros é muito difícil ter controle da operação e da entrega dos produtos, isto pode fazer os clientes fiquem insatisfeitos e peçam a restituição da compra ou a devolução do produto.

LEIA TAMBÉM:

 +  O que você precisa saber para investir melhor pensando na aposentadoria

Financiar, comprar à vista ou adquirir um consórcio? Saiba como planejar o seu 1º veículo

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1.