(Carmen Ribeiro - Maringá) E-mail: [email protected] PLUMAS & PAETÊS Só hoje e amanhã. Passa rápido demais, não dá nem tempo de secar os confetes grudados pelo suor da alegria. Depois tudo acaba, acaba não, simplesmente é transferido para o próximo Carnaval. Se não deu para soltar sua colombina ou seu arlequim, sua feiticeira ou seu superman, guardados a sete chaves durante todo ano, ano que vem tem mais. E aí quem sabe... Pois o verdadeiro folião faz da espera um tempo de sonhos e projetos. Eu, particularmente, não gosto da Folia, mas é bom ver os foliões soltos, felizes, sorridentes e desprovidos da simulação cotidiana. Pulam, cantam, tropeçam, caem, levantam, gritam e exorcizam seus demônios. O Carnaval passa a ser, no fundo, um confessionário onde cada um é o que é. Sem fantasias. James Negrini/Ueta CONFETE - A bela foliona surgiu no salão não perdeu nadinha do que rolou pelos salões. Olhos atentos James Negrini/Ueta SERPENTINA - O bom do Carnaval é isso aí. Cada um vê o que quer, como quer e o que pode Arquivo pessoal Doidos por um ziriguidum, Marlene e João Batista Leonardo não perdiam a pose, surgiam cheios de brilho, em fantasias belíssimas. Adeptos do ‘‘quem não gosta de samba, bom sujeito não, é ruim da cabeça ou doente do p钒. Nos Carnavais atuais vão descansar na fazenda da família Arquivo pessoal Monica Capelasso, de Cleópatra ou de bailarina de can-can, era sempre destaque pela performance e belas pernocas à mostra Arquivo pessoal Cesar Abrão, ex-folião dos bons, surgia sempre bem acompanhado de sua havaiana estilizada, e não desgrudava da bela Soraya Rodrigues Alves. Neste Carnaval vai passar tranquilo, longe do ziriguidum. Isso, até a trinca de filhotes começar com o ‘paiê, quero ir no Carnaval...à noite’ Arquivo pessoal Patriotas até debaixo d’água, desculpem, debaixo da chuva de confetes, Vera/Leo Ruggeri & Galega/Almir Santos e cia. estavam sempre entre os mais animados nos belos Carnavais do Maringá Clube. Hoje, enquanto os filhos sassaricam, eles descansam à beira-mar. Coisas da vida! Arquivo pessoal Vejam só, as meninas travestidas de Carlitos não perderam o charme. Já os pafúncios vestidos de melindrosas...