Imagem ilustrativa da imagem O assunto é...
| Foto: Divulgação/Billabong


''Numa onda chamada Teahupoo, no Tahiti, o mar estava enorme e uma série de ondas muito grandes me pegaram antes que eu pudesse ser resgata pelo Carlos Burle (big rider brasileiro que mais se destacou no cenário mundial do surf nos últimos anos). Fiquei numa zona de grande risco, pois era muito raso e as ondas tinham em torno de 12 metros de face. Felizmente fui resgatada''.
Essa foi a mais recente situação de risco vivida por Maya Gabeira, surfista brasileira de maior sucesso e referência do surf feminino pelo mundo. Filha do deputado federal Fernando Gabeira e encarando ondas que 99,9% dos marmanjos não encarariam nem em sonho, Maya é uma mulher linda e sensual, que coleciona cenas memoráveis.
''Foi inesquecível quando surfei minha maior onda na África do Sul, em Dungeons, com Carlos Burle. A onda tinha 45 pés'', recorda ela, que credita todo seu sucesso à sua dedicação e paixão pelo esporte.
Surfista de ondas gigantes e dona de um corpo sarado, Maya é tetracampeã do Billabong XXL Big Wave e foi eleita pelo ESPY Awards a 'Melhor Performance Feminina em Esportes de Ação'. O prêmio é considerado o Oscar dos esportes.
Sua rotina em Miami, onde reside há mais de cinco anos, é intensa e de extrema dedicação. ''Tem que ter disciplina, pois é um esporte individual, depende do seu treino e evolução para as competições. Surfo sempre que tem onda e complemento com outros tipos de treinos, como academia, funcional, yoga, bike, corrida e freediving (técnica de mergulho e respiração)'', explicou ela para a coluna.
Patrocinada pela Billabong e Red Bull, para 2012 os planos são de evolução e busca por ondas maiores. Já quanto a 2011, ela resume: ''Foi um ano de altos e baixos, mas de muito aprendizado. Espero que possa evoluir com as experiências e ter melhores resultados no próximo ano. O surf para mim é um estilo de vida: viver no mar, ter uma vida saudável e em contato com a natureza''.