Muito se fala sobre a importância da atividade física para manter a saúde em dia. Praticar exercícos regularmente traz benefícios para o corpo e para a mente. Muitas pessoas, no entanto, não conseguem criar esse hábito, alegando principalmente falta de tempo. Já passaram por diferentes academias, experimentaram modalidades variadas, mas nunca conseguiram dar continuidade ao projeto. O que acontece na maioria das vezes é que não encontraram uma atividade realmente prazerosa, pois nesse caso é difícil não conseguir um horário vago na agenda e fazer do exercício físico uma rotina.
Atualmente as academias, além da musculação, oferecem diversas modalidades, como natação, hidroginástica, pilates, lutas, triathlon, step, spinning, jump, treinamento funcional. E as novidades não param. Em Londrina, uma aula que vem ganhando espaço é a de kangoo jumps. Criada na Suíça, chegou no Brasil em meados de 2008. O equipamento, que é como se fosse um roller sem rodas, foi desenvolvido com o objetivo de minimizar impactos e oferecer conforto articular.
''Trata-se de um exercício aeróbico funcional. As aulas, que são embaladas por música, incluem corridas, saltos, chutes, elevações de joelhos, entre outros movimentos'', afirmam Janaína Amarante do Nascimento e Carol Macaro, proprietárias da Bem + Academia, que oferece aula coletiva da modalidade. É possível perder até 900 calorias em uma aula de 45 minutos.
Além da perda de peso, a aula de kangoo jumps ativa a musculatura postural e o sistema linfático, lubrifica as articulações e contribui para aumentar o sistema imunológico. Janaína e Carol ressaltam que a adaptação ao equipamento é imediata. ''A atividade só não é recomendada para gestantes e pessoas com labirintite não tratada'', alertam.
Outra novidade oferecida é o slide, exercício aeróbico e de resistência muscular em que se simula os movimentos realizados quando se anda de patins e de esqui. ''Utiliza-se uma meia de lycra por cima do tênis para realizar os deslizes necessários'', explica Janaína da Bem + Academia. A atividade melhora a coordenação motora, a estabilidade e previne lesões. Só não é recomendada no caso de processo inflamatório no quadril, tornozelo e joelho.
''O slide é incluído em aulas de treinamento funcional e circuitos'', aponta Janaína, ressaltando que durante as aulas é possível trabalhar com alguns objetos, como bola e elástico.
Para Carol Macari, o kangoo jumps e o slide proporcionam uma redescoberta e um resgate do próprio corpo. ''As pessoas se divertem nas aulas. São opções que fogem dos exercícios 'mecânicos', o que é um grande atrativo'', destaca.
Uma atividade que também chama a atenção é a escalada indoor. A duração da aula é de aproximadamente uma hora, podendo acontecer em grupos de até 10 pessoas. ''Nossa estrutura dispõe de um muro de escalada de 8 metros com várias vias, possibilitando que a atividade seja realizada por várias pessoas ao mesmo tempo'', explica Thiago Gonçalves Santos, sócio-proprietário da Body & Soul Club.
De acordo com ele, muitas pessoas buscam a escalada como um meio de ultrapassar limites físicos e mentais. ''A atividade está ficando cada vez mais popular, pois além de proporcionar uma sensação de satisfação, também ajuda no fortalecimento da musculatura e no auto-controle do indivíduo. Além disso, é possível perder entre 400 e 500 calorias por aula, dependendo do nível.'', aponta, ressaltando que são utilizados os aparatos da escalada comum - como a corda - e que as aulas são acompanhadas por instrutores treinados para garantir a segurança do aluno.
E se a intenção é encontrar uma atividade prazerosa, o sh'bam pode ser uma boa alternativa. ''É uma forma de se divertir dançando, sem necessariamente saber dançar'', explica Raquel Malta, professora da Academia Brasil Wellness.
Segundo ela, a aula de sh'bam tem 45 minutos de duração e inclui passos simples combinados com os hits do momento. ''É para acabar definitivamente com o mito de que dançar é difícil. O aluno é estimulado a curtir as sensações de liberbade e alegria'', pontua.
Entre os benefícios, Raquel aponta gasto calórico, mudança da composição corporal, melhora da agilidade e coordenação motora e aumento da auto-estima. Além disso, contribui com a socialização por ser uma aula em grupo.
''Não existe contra-indicação para realizar a aula de sh'bam. No caso de gestantes é necessário ter uma autorização médica e realizar os exercícios em uma intensidade moderada, mas até crianças e idosos estão aptos a praticar. É uma forma de manter a coordenação, agilidade e flexibilidade em dia'', considera a professora.


Imagem ilustrativa da imagem Academias inovam com atividades diversificadas
| Foto: Celso Pacheco
O kangoo jumps permite perder até 900 calorias em uma aula de 45 minutos
Imagem ilustrativa da imagem Academias inovam com atividades diversificadas
| Foto: Celso Pacheco
O slide simula movimentos de patins e esqui
Imagem ilustrativa da imagem Academias inovam com atividades diversificadas
Na aula de sh'bam é possível dançar sem necessariamente ser um dançarino